Leader Educa

Descubra quais são as melhores metodologias e ferramentas para educação corporativa

a imagem tem cinco pessoas reunidos em um escritório com blocos de anotação, enquanto uma delas explica algo para os demais, representando o que é a educação corporativa

Empresas do mundo todo alcançam o sucesso por meio da educação corporativa.

Eles capacitam e treinam seus colaboradores, fazendo com que desempenhem suas funções com maior qualidade e alinhamento com a estratégia do negócio.

As diferentes metodologias e ferramentas de educação possibilitam que o processo de aprendizagem seja mais eficiente, garantindo bons resultados.

Neste artigo, você vai descobrir quais são as melhores metodologias de treinamento e seus benefícios para a empresa. Confira!

O que é educação corporativa?

A educação corporativa é uma prática responsável por promover e disseminar o processo de aprendizagem, com foco no desenvolvimento dos colaboradores e no crescimento da empresa.

Além do treinamento de mão de obra e o desenvolvimento de habilidades específicas, a educação corporativa é composta por ações que buscam estimular o desenvolvimento dos colaboradores visando às estratégias e objetivos macro da empresa. 

Dessa forma, os processos de inovação e a melhoria contínua da corporação são incentivados.

Qual a diferença entre treinamento e educação corporativa?

Existem algumas características que diferem o treinamento da educação corporativa. A primeira delas é o público-alvo. 

Enquanto um treinamento é focado nos colaboradores, a educação empresarial abrange também clientes, parceiros, fornecedores e líderes.

Além disso, os objetivos também são diferentes. Enquanto a educação corporativa busca desenvolver pessoas em prol da organização, o treinamento foca no desenvolvimento de competências técnicas individuais (hard skills).

O período de aplicação de cada ação também varia. A educação corporativa é um processo que ocorre a longo prazo, podendo ser aplicada de forma contínua.

Por fim, existe uma diferença no modelo de aprendizagem, onde há um envolvimento maior dos alunos na educação corporativa. Diferente do treinamento, que possui menos interação.

Quais são os pilares da educação corporativa?

Existem três grandes perspectivas que podem ser definidas como os pilares da educação corporativa:

Aprendizagem adaptativa

A aprendizagem adaptativa, ou personalizada, é uma metodologia de ensino voltada para as necessidades de cada aluno, se moldando para atendê-los da melhor forma. 

Existem diversas ferramentas que possibilitam a adaptação dessa jornada às características e ao histórico do colaborador.

Com a aprendizagem adaptativa, o aluno passa a fazer parte da dinâmica das aulas, deixando de ser um mero espectador. 

Ele pode assistir às aulas quando quiser e onde quiser. Seu ritmo é quem vai ditar a trilha de aprendizagem.

Autoaprendizagem

Na autoaprendizagem, o colaborador possui autonomia para criar a própria jornada educacional, definindo seu processo de aprendizagem conforme os seus objetivos. 

É possível escolher os conteúdos a partir de uma gama de opções pré-definidas por profissionais, além da hora e local de estudo.

Automação

Atualmente, as ferramentas tecnológicas educacionais mapeiam o perfil do aluno, com base em seu comportamento de uso e acesso aos conteúdos. 

Os dados são utilizados para auxiliá-lo na criação de seu caminho de aprendizagem personalizado.

Esses três pilares, que apontam as tendências tecnológicas em educação corporativa, estão diretamente relacionados ao perfil profissional predominante no mercado de trabalho: os Millennials. Nascidos entre 1981 e 1995, que representam 37% da força de trabalho brasileira.

Esses profissionais cresceram com recursos tecnológicos à disposição, o que teve início no desktop e passou para o mobile, mantendo eles sempre conectados.

Por isso, ferramentas tecnológicas são um canal de aprendizagem extremamente importante para essa geração. Isso deve ser muito bem explorado!

Além de trazer praticidade e agilidade ao processo, são soluções que ajudam as empresas a engajar melhor esses profissionais.

Quais são os benefícios da educação corporativa?

A educação corporativa pode trazer diversos benefícios para a empresa. 

Por ser mais abrangente, diferentemente dos treinamentos tradicionais, seus impactos são tanto internos quanto externos. 

Ela alcança tanto os colaboradores quanto clientes, fornecedores, parceiros e demais envolvidos direta ou indiretamente.

Confira os principais benefícios da educação corporativa:

Desenvolvimento de novas habilidades 

Com as estratégias de educação corporativa, como cursos, palestras e treinamento, os colaboradores passam a desenvolver novas habilidades e competências.

Motivação e engajamento dos colaboradores

Ao observar o investimento da empresa no desenvolvimento das pessoas, os colaboradores se sentem mais valorizados. Dessa forma, a tendência é o aumento da satisfação do profissional, do engajamento e da motivação, elevando os resultados organizacionais.

Melhora do clima organizacional

A educação corporativa também trabalha o desenvolvimento das habilidades pessoais dos colaboradores, como gestão de tempo, relacionamento interpessoal e comunicação. Isso contribui para a melhora do clima organizacional e do nível de satisfação interno.

Desenvolvimento da liderança

Para ajudar no desenvolvimento dos colaboradores, é necessário ter uma liderança capaz de compartilhar o conhecimento. A educação corporativa é responsável por capacitar a liderança, com o objetivo de torná-la apta para contribuir com conhecimentos técnicos e comportamentais para toda a equipe.

Retenção de talentos

Ao investir em seus colaboradores, a empresa reduz o índice de turnover e de absenteísmo, construindo uma equipe formada pelos melhores profissionais do mercado, o que pode ser um grande diferencial competitivo.

Maior eficiência nas tomadas de decisão

Profissionais preparados para os desafios do mercado e capacitados para executar suas funções da melhor forma estão aptos para tomadas de decisão mais eficientes. Dessa forma, os riscos de erros e prejuízos para o negócio são reduzidos e até eliminados do negócio.

Consolidação da marca empregadora

Uma empresa que investe na educação corporativa passa a ser reconhecida como uma organização que se importa com o desenvolvimento dos seus colaboradores, clientes e parceiros. Isso fortalece o employer branding, capaz de atrair e reter os melhores talentos.

Quais são as principais metodologias para educação corporativa?

Ao longo do tempo, as demandas sociais e individuais se transformam. Por isso, os processos corporativos buscam se manter em constante modificação para atender às novas demandas.

Confira algumas tendências de metodologias para a educação corporativa:

1. Gamificação

A gamificação é muito usada nos processos de recrutamento e seleção.

Trata-se de uma técnica que busca o engajamento dos colaboradores por meio de jogos, missões, recompensas e ranqueamento. 

Dessa forma, além do conteúdo aprendido, os colaboradores se divertem e ficam engajados com toda a dinâmica do game. 

2. Microlearning

Com a necessidade crescente de buscar qualificação dos colaboradores de forma rápida e efetiva, as empresas estão abrindo mão dos cursos de longa duração e apostando no microlearning.

A técnica é capaz de  dividir um conteúdo em pequenos fragmentos, possibilitando que o estudem de forma rápida e frequente por dispositivos móveis, como o celular.

3. E-learning

O papel do e-learning é promover o conhecimento de maneira interessante, prática e barata. 

Esse método nada mais é do que a modalidade de ensino à distância, onde professores e alunos podem se conectar através de um ambiente virtual totalmente interativo.

Essa modalidade já é popular para graduações e pós, mas agora está cada vez mais presente no cenário corporativo. 

Dentre as principais vantagens, estão:

  • Personalizar as temáticas de acordo com o perfil da empresa e de cada colaborador;
  • Pode ser utilizado para o treinamento de novos colaboradores;
  • Pode ser integrado a outras técnicas, como o microlearning e a gamificação;
  • Ajuda na redução de gastos da empresa.

4. Mobile learning

Essa metodologia de aprendizagem à distância utiliza os dispositivos móveis, como tablets e smartphones, como ferramentas de apoio para o desenvolvimento e capacitação. 

Com ela, é possível criar e aplicar diferentes formatos de conteúdo para as ações de treinamento. 

Além disso, as pessoas têm passado cada vez mais tempo conectadas ao celular. Isso pode ser usado a favor das empresas, inserindo hábitos saudáveis de aprendizagem. 

É importante que o formato desse tipo de conteúdo seja adaptado para o mobile, tornando-o mais otimizado.

5. Blended learning

O mundo está cada vez mais híbrido, assim como a busca por conhecimento. 

É isso que o Blended Learning faz! Ele mistura o aprendizado online e o presencial, como team buildings e momentos focados na cultura organizacional.

Quais são as melhores ferramentas para educação corporativa?

As empresas estão buscando cada vez mais inovação

A aplicação da tecnologia aos seus processos de educação corporativa visa otimizar a performance dos seus colaboradores e a qualidade de seus produtos e serviços.

Para isso, existem diferentes estratégias e ferramentas que podem fazer com que a aprendizagem ocorra de forma eficiente. 

Confira as tendências inovadoras e principais ferramentas da educação corporativa:

Plataforma de Experiência de Aprendizagem

Conhecida como “LXP”, a plataforma de experiência de aprendizagem é uma ferramenta que utiliza a inteligência artificial chamada Machine Learning, capaz de promover treinamentos de capacitação.

Essa ferramenta viabiliza o desenvolvimento e organização dos treinamentos conforme o perfil e atividade realizada pelo profissional.

Por meio dela, o colaborador pode programar como e quando deseja realizar os seus treinamentos de forma dinâmica e de fácil utilização.

Cursos e treinamentos personalizados

O treinamento personalizado é utilizado pelo T&D, que é o responsável por customizar os treinamentos de acordo com as necessidades da empresa, dos líderes e dos colaboradores. 

Esse modelo não possui um padrão pré-definido para todos os alunos, como conteúdo e carga horária. 

Ele permite que o conteúdo seja personalizado de acordo com cada colaborador e suas necessidades em relação às rotinas de trabalho na empresa e até dificuldades pessoais.

Dessa forma, os treinamentos corporativos alcançam resultados mais expressivos, com melhor  eficiência, além de contribuir para o bom desenvolvimento de competências.

Trilhas de conhecimento

As trilhas de aprendizagem são um conjunto de atividades utilizadas para desenvolver competências técnicas e comportamentais por meio da flexibilidade, experiência e diversidade de estímulos.

O método aborda diversos formatos de conteúdo e ensino, disponibilizando para o aluno para que ele escolha o que se adapta às suas preferências, combinando os conteúdos teóricos e práticos para um melhor desempenho.

Alguns exemplos desse tipo de abordagem são:

  • Quiz;
  • Testes;
  • Vídeos;
  • Podcasts;
  • Gamificação;
  • Aulas expositivas;
  • Infográficos e outras opções que estimulam o ensino.

Se você deseja aplicar todas essas metodologias e ferramentas de educação corporativa em sua organização, entre em contato com a Leader Educa e saiba mais sobre as nossas soluções.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
×